21.11.06

Let´s Make a Deal

Sábado que passou foi uma noite diferente em nossas vidas de imigrantes recém chegados administrando suas economias e começando uma nova vida por aqui! Fomos jantar na cantina italiana The Old Spaguetti Factory no centro de Toronto.

E o melhor de tudo é que foi quase de graça. Digo quase porque um jantar para dois que custaria $40 (entre gorjeta, bebida e pratos) saiu por $ 10 pois pagamos apenas as bebidas e a gorjeta. Antes que começe a passar pela cabeça de alguém que passamos a noite lavando pratos para pagar a conta, preciso dizer que o ganhador da façanha foi o meu querido marido.

Em seu último dia de aula no programa de treinamento que o governo nos oferece e que finalizamos mês passado, o Maurício participou da confraternização entre os “formandos imigrantes”, professores e funcionários da escola. Em plena festinha, participou de algo muito parecido com o jogo Let´s Make a Deal. Vou facilitar a vida do querido e respeitado leitor.

Quem aí não se lembra daqueles joguinhos televisivos em que o dono do jargão “Ha hai, Lombarde” perguntava – “Você troca este lindo e completo jogo de quarto por uma chupeta velha e rasgada? “ e o participante gritava SSSIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIMMMMMMMMMMMMMMM.Algo parecido.

Pois é, excluindo o detalhe da gritaria, do tubo e do fone de ouvido, o Maurício foi sorteado entre 30 pessoas para participar da escolha de 10 prêmios “cegos” pois ninguém sabia o que havia dentro de cada pacote e os participantes podiam “roubar” o prêmio do outro até que todos decidissem com o que ficar.

Maurício “tomou” de uma companheira o pacote que continha o melhor prêmio do dia! Quando todos abriram e descobriram que em alguns pacotes havia jujubas , em outros uma sacolinha promocional e nas mãos do meu marido o jantar para dois na cantina, o que ele ouvia dos canadenses (professores e funcionários da escola) era – “Você vai adorar! É o melhor prêmio!”

Fomos, adoramos e curtimos uma noite muito agradável por lá. Fica a dica para os nossos amigos que moram aqui em Toronto. A ambientação do local vale à pena e a comida, ao menos o Spaguetti que comemos, é muito boa.

Ah! O presente foi completo, tinha direito à acompanhamento, salada, sobremesa e chazinho. Como diria minha querida amiga Leslie, saímos de lá “rolando” de tanto comer !

Sorte a do meu marido não? E minha também de ter casado com ele e desfrutar destes momentos ao seu lado.

9 comentários:

.::Ju::. disse...

Que delícia Paula! Abri o site e fiquei morrendo de vontade! Amo massas! Dificil é fazer minhas lombrigas entenderem que comer nessa cantina só daqui a um bom tempo!

Beijos!

Luh disse...

Ah, eh bom esse restaurante entao? Eh tao dificil achar restaurantes com comida boa por aqui... vou tentar esse.

Beijinhos,
Lu

Carol, Ênio e Leila disse...

Que sorte, não? Além de conseguirem uma cortesia para jantar fora, o que já é uma delícia, ainda ser um restaurante bom.
Tomara que a sorte de vcs só se multiplique ae no Canadá.

Carol e Ênio

Jeanne disse...

Vou guardar a dica pq todo mundo reclama da comida daí. Que bom que vocês deram sorte com essa cantina!
bjs

Zuina disse...

Recado ao Maurício:

Como diria um amigo meu aqui de S.Paulo, só faltaram as mulheres semi...........


Beijos!
Zuina
(eu aceito ser deletada após a leitura..)

Dani e Rafa disse...

Da próxima vez queremos ir juntos.. Pena que estávamos na Eglinton quando vcs ligaram...
Bom saber que vcs curtiram muuuito.
Beijos.

Caldêra disse...

Eita! Excelente!

Leslie disse...

Uma noite muito mais do que merecida para vcs dois! Me deu até vontade de comer espaguete. bjs amigos!

CarloAmorusso disse...

Parabéns pelo prêmio! Realmente, parece que este país dá sorte para brasileiros. Eu mesmo já ganhei um DVD e uma pizza em sorteios na Internet, enquanto no Brasil não ganhava nem par ou ímpar. Valeu também pela dica do restaurante, vou ver se algum dia passo lá pra conferir.

Abraços,

Carlos