10.10.08

O desafio de fazer política em dois idiomas

É curioso acompanhar o cenário político canadense com suas particularidades bilingues. A coisa fica mais interessante ainda quando se está há 4 dias de eleições federais. Tudo é motivo para esquentar os debates e as entrevistas que os candidatos ao cargo de Primeiro Ministro canadense dão aos veículos de comunicação canadense.

Para quem está fora do Canadá ou não está acompanhando, o cenário político para as eleições federais resume-se aos seguintes partidos e candidatos: o atual primeiro ministro Harper tentando se reeleger pelo partido Conservador, Stephane Dion (lider da oposição pelo partido Liberal) centro da última polêmica e motivo deste post, Jack Layton pelo NDP (o partido democrata) e Elizabeth May  (líder do partido verde).

De volta à última polêmica. Todos os candidatos ao cargo de primeiro ministro do Canadá passam por debates conduzidos nos dois idiomas: inglês e francês. Naturalmente, o inglês é o primeiro idioma de uns, o francês o segundo idioma de outros e vice-versa. A panacéia linguística se deu ontem quando o líder da oposição Stephane Dion deu esta entrevista, em inglês,  para um canal canadense  e o jornalista teve que repetir 3 vezes a mesma pergunta e ainda assim Dion não conseguiu entender. O primeiro idioma de Dion é o francês. 

Daí começa a confusão. A pergunta hipotética "If you were the Prime Minister what would have done about the economy and the global crisis that Mr. Harper hasn't done?" e a ausência de resposta de Dion agora se espalha e surgem diversas teorias. O próprio Dion, enquanto eu escrevo este post, está dando entrevistas tentando esclarecer o episódio dizendo que o inglês é o seu segundo idioma e é natural que ele não tenha entendido, isso acontece. Um de seus assessores mencionou que Dion tem um problema de audição. Enquanto isso ....

O atual primeiro ministro e candidato à reeleição diz que isso não tem nada a ver com idioma, falta de audição mas com o simples fato de Dion não ter um plano para lidar com situações de crise como a que estamos passando agora. Ah, há ainda a opinião de alguns eleitores canadenses que estão comentando nos blogs de notícias e que, naturalmente apoiam a reeleição de Harper, que se fosse o atual primeiro ministro sendo entrevistado em francês (segundo idioma de Harper) ele teria entendido e respondido a mesma questão em francês.

Está armado o circo faltando apenas 4 dias para as eleições federais que, segundo analistas e pesquisas, deve reeleger o atual primeiro ministro. Entretanto, independente de opinião política e partidária, achei o fato muito curioso. Como jornalista e uma apaixonada por discussões em torno de comunicação, linguística, semântica e idiomas estrangeiros, não poderia deixar de notar o ocorrido.

E você? O que acha? Foi um problema de idioma? de audição? falta de preparo? falta de plataforma política ou tudo junto? 

Bom fim de semana  à todos!

6 comentários:

Rogério disse...

Bem,

Como eu estou estudando para o IELTS, quando eu digo que não entendi uma pergunta, é mais provável que eu não saiba do que a pessoa está falando do que simplesmente não a tenha entendido muito bem.

Fica aquela questão, será que ele tá falando sobre isso? Que é justamente o que não faço a menor idéia? rs...

Se você não entendeu, é porque não estudou o assunto!

E os assessores etavam onde mesmo??!!

Abraço!

Rogério Lima

Ana Carolina disse...

Olá Paula.
Esse ano irei concluir o ensino médio aqui no Brasil, e ano que vem devo entrar na faculdade.
Depois disso, vou só juntar dinheiro e ir para o Canadá.

Estou pensando em fazer direito, mas como li em outro blog o processo de validação de diploma é hiper complicado e o mais prático seria eu me tornar Paralegal.
E mais outras complicações...

Continuando... Também tenho muito interesse por relações internacionais, você sabe se o mercado aí tem vagas para essa área?

Ou, qual curso da área de humanas está em alta aí?

Desde já agradeço.

Leo disse...

At least!
We're not alone!

hehe
Abraços

Rogério disse...

E o inglês ganhou!! rs...

Para piorar já estão cogitando de dar um chega pra lá no lider-dos-liberais-que-nao-sabe-ingles rs...

Até!

Rogério

Rupert disse...

Olá Paula,
Primeiramente gostaria de agradecer aos posts pois tem sido de grande ajuda para esclarecer minhas dúdivas quanto a morar no Canadá. Hoje dei o meu pontapé inical para poder correr atrás desse sonho e acho que quanto mais idéias, melhor para poder tomar algumas decisões.
Por isso, estive pensando, e em breve estarei criando um blog para postar as minhas experiências desde o começo para poder ajudar outras pessoas e gostaria que pudessemos manter contato para que se você puder, me ajudar.

qualquer coisa mande um e-mail para thadeu.cotts@gmail.com

Aguardo Retorno,

Abs,

Thadeu Cotts

Nanny Kyrillos disse...

Oi Paula,
o meu e-mail:nanymendes@yahoo.com.br
Me escreve, ok?!
Beijos