25.6.08

Sick People!

Desculpem mas este post é um desabafo! Estávamos eu e o marido ouvindo o noticiário e eis que ficamos ambos sem palavras, um olhando para a cara do outro com aquela cara de "eu não acredito no que estou ouvindo"...

Eis que esta semana iniciou-se por aqui em Toronto uma campanha para deixar as mamães à vontade para amamentar seus bebês em locais públicos e restaurantes. Hein!!!! Como assim??? Em segundos ficamos nos perguntando qual seria o problema com o que eu acho ser um dos atos mais lindos, saudáveis e naturais do mundo. 

Bem, se estão fazendo uma campanha é porque as pobres mães se sentiam desencorajadas a amamentar seus filhos a qualquer hora e em qualquer lugar que fosse necessário!

Gente, juro, não acreditei! Para mim, uma mulher amamentando seu filho no metrô, em um restaurante, na rua ou em qualquer lugar que seja é algo tão natural quanto respirar! Mas parece que não são todos que pensam assim. Bem, agora com a tal campanha os restaurantes de Toronto vão ganhar o selo Brestfeeding Friendly. Anytime, Anywhere! 

Alívio para as mamães e bom senso dos donos de restaurantes. Honestamente, precisava de tudo isso? É cada uma!! Desculpem mas eu precisava desabafar e olha que nem mãe eu sou! E como diz a moça do vídeo, se ela tiver que amamentar somente em casa, ficaria em casa o tempo todo! Sem comentários...

 

10 comentários:

K disse...

Oi, Paula!

Tanto aí quanto nos EUa essa questão de amamentar em público é um tabu. E pior é que meu marido, acho que influenciado pela parte americana da família, fica chocado cada vez que vê uma mulher amamentando o filho. Eu fico indignada e digo pra ele que não tem nada demais, que é natural, mas ele insiste em dizer que não concorda. Vamos ver quando chegar a minha hora. Ele vai ter que se acostumar na marra - rs!

Beijo,

K.

guerson disse...

Pois é menina, já ouve escândalos de mulheres terem sido convidadas a se retirar de lugares como starbucks por estarem amamentando seus filhos (dem forma bem discreta, diga-se de passagem). É difícil mesmo de acreditar, né??

Acho que vem do fato de que o peito, na america do norte, é muito mais erotizado do que nas nossas terras tupiniquins... Não conseguem separar as coisas.

Jeanne disse...

Em compensação a mulherada pode andar sem blusa na rua, só de bermudão como os homens...vai entender!
Bjs

Carolina disse...

É Paula!...é cada uma!...sem comentários@

abç,
Carol

leslie disse...

Amigaaaaaaaaaa!!! De volta ao ERA! Nossa quanta novidade boa! Adorei! Agora, quanto a esta questão da amamentação, nunca imaginei que este tipo de situação pudesse ocorrer por aí... bjs da amiga le

Daniel Moura disse...

Por incrivel que pareça tem gente que se sente constrangido...

eu acho lindo....

fazer o que né?

Ana disse...

Acho que eh heranca do puritanismo ingles, viu, Paula. Nos EUA eh pior ainda... mas sabe que aqui em BC eu ja vi muitas amamentando em publico? Algumas usam um pano pra cobrir o peito (eu fazia assim tb no Brasil, nao quero qualquer um olhando pros meus peitos, ne?) ;) Mas ja vi mulheres de peito aberto mesmo, nos parques. Talvez seja uma questao pessoal, mas de forma alguma o meio externo devia "impedir" a mulher de amamentar em publico, se ela deseja assim.

Nanny Kyrillos disse...

Paula,
a Flávia Mandic (crônicas do Iglú) escreveu uma vez que uma mãe foi retirada de um vôo da aircanada pq outros passageiros estavam incomodados pelo fato dela estar amamentando o filho! Existe uma dificuldade muito grande com o relacionamento com o corpo por aqui!
Abs

LIZETE disse...

NOSSA!ACABO DE ELOGIAR ALGUNS ÍTENS, EM SUAS FOTOS!AGORA..ESSA???É DEMAIS!BEM...PELO MENOS, POR AQUI, ISSÓ É BEM NATURAL!IMPORTANTE E, NECESSÁRIO!
BEIJOS....

Isabella disse...

Eu nunca deixei de amamentar meu filho onde quer q fosse aqui na América (Washington, DC metropolitan area) mas que tem preconceito e tabú, tem sim! Ridículo!
Que bom que os canadenses estão fazendo algo a respeito!

bjs