12.6.07

Na toada do batuque Brasileiro

Fim de semana agitado este que passou! Aliás, desque as temperaturas começaram a atingir a casa dos dois dígitos – como eles gostam de dizer aqui – não há fim de semana que não seja agitado, você só fica parado se quiser!

Passamos a tarde e a noite de sábado no Harbourfront Centre curtindo o Carnavalissima – dois dias inteiros com o que há de melhor dos carnavais do mundo – e claro que o Brasil estava muito bem representado! Teve uma sensacional exibição do grupo de Axe de capoeira e para variar eu fiquei “babando”. Tenho uma paixão platônica não é de hoje com esta arte marcial (bem, mas isso já é assunto para um próximo post)!

E para culminar a noite de sábado, à beira do lago Ontário – agora com vida como diz o meu marido que lembrava do mesmo lago congelado no inverno – duas deliciosas apresentações para alguém que como eu tem sangue afro e não fica parada com um batuque e uma percussão.
A escola de samba de Toronto trouxe os sambas de enredo de escolas de SP e do Rio, além de enredo que eles mesmo criaram para Toronto. Excelente trabalho!

É gostoso ver iniciatiavas como esta fora do nosso país de origem. Neste instante em que meus pés insistiam em não ficar no chão, eu pensei muito nos meus tios e primos batuqueiros (do lado da família do meu pai). Tio Junior, Daniel, Edmar, Lucas,Tio Pelé, Cumpadre Claudio e trupe - senti vocês junto comigo no ecoar da bateria e no delicioso som do cavaquinho! Saudades de vocês.

E como se não bastasse capoeira, samba enredo e comida muito boa – havia barracas de comidas do mundo e batemos um PF (prato feito) bonito de bisteca, arroz e banana assada na barraca do Equador – a noite finalizou com o show do OLODUM.
Nem preciso dizer que pulei e dancei feito uma macaquinha não é mesmo?

Não, não, o meu marido não perdeu o juízo e sambou comigo não, podem ficar tranquilos que ele continua bem do juízo. Ele apenas seguiu os cerca de 10% de gringos que estavam apenas ouvindo o som da Bahia e euzinha acompanhava os outros 90% de brasileiros que agitavam bandeiras, pulavam e ecoavam juntos as músicas do OLODUM. Energia pura!! Soltei todos os bichos e o mais curioso é que nunca havia visto um show do OLODUM quando estava no Brasil e acabei por curtir aqui à beira do lago Ontario que trazia uma brisa deliciosa da noite de quase verão em Toronto!

E quanto gastamos para tudo isso? $ 16 com os dois PFs na barraca do Equador e $1,50 no Churros na barraca do México que comi (nunca havia parado para pensar que o Churros é Mexicano. Estava uma delícia, a única diferença é que o original Mexicano não coloca aquele recheio que há no Brasil e sempre achei enjoativo. Trata-se apenas da massa frita!).


Os shows? Todos de graça! Me acabei!

8 comentários:

Mirela disse...

Deu para ver que valeu a pena o fim de semana
E os shows, ja acabaram ou neste fim de semana tem mais??

Alexandra disse...

Eu queria MUITO ter ido mas mal podíamos transitar no meio de tanto caixote e moveis desmontados no nosso apê. Tivemos que passar o fim de semana pondo coisas nos lugares... não aguento mais!!

Uma correção - churro é espanhol!! Ou pelo menos é bem tradicional na Espanha e se encontra por todos os lados... é assim mesmo como vc falou, sem o recheio de doce de leite...

Jeanne disse...

Escola de Samba de Toronto???????
Essa me surpreendeu! rsrsrs
Bjs

lizete disse...

HUMMM.....Que delícia!!!!Me senti, tb no batuque,do OLODUM!!!!
É.....Morar em um país, que se preocupa, com as culturas internacionais, não é prá qqr um , nãooo!!!Ainda bem, que vc fez a observação....Porque, não conseguia, imaginar, meu querido genro, ....SAMBANDOOO!!!srsrsrsss....
E, vc, filha querida, como dizem as avós..."Sempre mencionando ou citando fatos e/ou pessoas queridas!!!!"É, dessa forma, que , vc nos faz sentir tão próximos!!!!
Beijãoooo....E..."curta", mesmo, essas atividades, que só nos enriquecem culturalmenteee!!!!!Bjksss/saudades....

Dani e Rafa disse...

Oi.
Neste findi tem festa italiana, Blues na Destillary..Esta é a epoca do ano que mais gosto... Logo logo os shows de jazz começam ali ao lado de casa (Mel Square)
Bjs.

Bruna disse...

Paula, que máximo! Olha só, conheci um novo artista de Toronto e tenho ouvido bastante as músicas dele: é Moonlight Graham. Ele acabou de lançar um CD chamado Palookaville e acho de que você vai gostar do estilo. O site dele é www.moonlightgraham.com - quando puder, vale conferir um show dele por aí. Beijão e saudades!
Bruna

Leslie disse...

Amiga querida, não pude deixar de lembrar o dia em que nós (eu, vc e Humerson) fomos juntos ao show do Linkin Park... Excelent! bjs nos dois!

Laila disse...

Olá Paula e Maurício,
Navegando sem rumo achei o blog de vocês e adorei! Eu e minha família estamos no processo de mudança para Toronto, e as informações que tivemos no blog nos ajudaram bastante.
Se vocês puderem, entrem em contato conosco: lailallima@yahoo.com
Obrigada!
Laila